Energia Artigo

Especial dia da energia: o que trouxe a Raízen até aqui e nos leva além

Essa data é um lembrete que resgata nosso propósito de redefinir o futuro

Por: Frederico Saliba Data: 27/05/2022 Tempo de leitura: 8 Minutos

O dia da energia significa mais do que uma data comemorativa para mim e para a Raízen. Em nome da companhia, essa data é um lembrete que resgata nosso propósito de redefinir o futuro, um convite para que possamos continuar sendo líderes e uma oportunidade de falarmos sobre nosso compromisso com o setor e com todas as pessoas que se beneficiam das nossas soluções.

Pessoal e profissionalmente falando, trabalhar com energia é o projeto da minha carreira. Trago para minha vida esse objetivo e a satisfação que é diversificar o portfólio de energias renováveis para chegar aos consumidores.

Hoje, traço um panorama da história da Raízen com a energia que nos faz ser referência global no mercado.


Liderança na raiz de tudo

Liderar o mercado sempre foi nossa ambição. A Raízen já começou com o espírito de mudança, de estar à frente e de crescer sempre.

É importante sublinhar esse fato, porque, em meio a tanto desenvolvimento, a liderança pode parecer uma consequência. Contudo, esse foi nosso ponto de partida e continua sendo nossa direção.

A transição energética é um movimento global que requer estratégia. Como democratizar o acesso à energia limpa e renovável, simplificando os processos para nossos clientes?

Como prover soluções ambientalmente interessantes e atrativas para as pessoas e comunidades, além dos acionistas?

Identificamos que, para uma empresa do porte da Raízen, a resposta está na liderança de mercado.

Para cumprir nossa estratégia de avanço, exploramos as múltiplas possibilidades do uso produtivo da cana-de-açúcar, de seus produtos derivados da biomassa, da energia solar e de outros investimentos em serviços e soluções da cadeia de valor do setor, que nos tornam uma companhia integrada de fato.


 A energia renovável da Raízen

O projeto da área de energia surge da própria história de um de seus acionistas. O brilhante empresário Rubens Ometto Silveira de Mello, com seu inconformismo patriótico e visionário, viabilizou os primeiros investimentos para a geração de energia renovável através do bagaço da cana.

Desde então, o esforço de ganhos de produtividade dessa indústria intrinsecamente brasileira só aumentou, permitindo o uso cada vez mais circular dos meios de produção dessa riqueza nacional. A partir daí, a Raízen cresceu em sua ambição de tornar o uso da cana-de-açúcar ainda mais produtivo, tendo essa planta como pedra fundamental.

A empresa foi criada em 2010 através de uma Joint Venture da empresa nacional Cosan, liderada pelo Rubens, com a multinacional Shell, que lançou no mercado o etanol de segunda geração e o uso do biogás, com a primeira planta recentemente inaugurada em 2020.

Inaugura-se nova fase no setor com os parques bioenergéticos em sua mais alta produtividade. A parceria também contribui de forma relevante consolidando seus ativos de downstream e se tornando uma das maiores empresas de entrega de biocombustíveis no país, com mais de 7 mil postos de combustíveis para a massificação do uso do etanol brasileiro e milhares de grandes consumidores B2B.

O fornecimento para empresas permitiu ainda a extensão do contato com tantos brasileiros (consumo B2C) para o atendimento da oferta de energia renovável.

Com esse portfólio integrado, nossa participação relevante no setor de energia acontece de forma natural, com atuação em toda a cadeia, para a geração, otimização e comercialização de energia elétrica.

Foi a partir da ideia de usar todos os atributos da cana para geração de energia elétrica e aproveitar a capacidade de impactar clientes de toda a nossa rede que nasceu a área de Energia & Renováveis da companhia.

Começamos a investir cada vez mais na produção da energia renovável a partir da biomassa, ampliando nosso foco para novas tecnologias e diversificando fontes, como a solar, até a otimização da nossa divisão de trading de energia que, hoje, é uma das cinco maiores do mercado na comercialização para os clientes finais.

Iniciamos com vendas para os postos Shell e para a própria Raízen. Depois, seguindo o projeto de expansão, fomos para o mercado e chegamos a um patamar que nos aproxima ainda mais do consumidor final. Hoje, contamos com dezenas de parcerias estratégicas e mais de 7.500 clientes usando a energia Raízen, com grandes nomes já publicados, como Smart Fit, Heineken, Aegea, Volkswagen, Yara e Ambev.

Queremos diversificar nosso portfólio com novas fontes de energia, por isso, estamos chegando com novas soluções.

Recentemente, investimos em passos significativos, como a recarga elétrica veicular, por meio da startup Tupinambá, e a compra da Gera, empresa que atua com projetos de geração distribuída.


Como atingimos todo o mercado

A Raízen tem vocação para a liderança. Mais do que isso, uma liderança num contexto de transformação. Atendemos clientes que não querem mais as soluções convencionais e que agora anseiam por algo novo.

Em termos de serviço, o mercado livre de energia é nossa maior estratégia para levar energia sustentável para cada vez mais empresas consumidoras.

Por trás disso, há outros fatores importantes. Afinal, criar mecanismos de atendimento a todo o mercado de forma única, com liderança e potencial de crescimento, é bastante desafiador.

Seguimos três pilares no segmento de energia que nos ajudam na busca pela diferenciação.

Primeiro, a descarbonização, pois o consumidor demanda uma energia mais limpa. Segundo, a tecnologia na eletrificação, que exige adaptação constante da nossa parte. Por fim, a digitalização, que, se feita adequadamente, permite a entrega de energia de forma eficiente e a custos menores.

O DNA da Raízen, por si só, tem histórico renovável e uma amplitude singular no comércio brasileiro (e também na Argentina, com a expansão internacional da companhia).

Nosso portfólio fantástico de ativos, as altas tecnologias e nosso pioneirismo nos garantem uma ótima posição no mercado, com diferenciais realmente fortes. Em um universo tão competitivo, em meio a green bonds e concorrência crescente, vejo que estamos em sincronia com as demandas da sociedade.

Mas há um elemento que nos diferencia ainda mais. Com toda a minha experiência de mercado, identifico que a Raízen tem um talento intrínseco de potencializar pessoas. É por isso que somos incomparáveis e chegamos tão longe.

Os mesmos métodos podem existir, com os mesmos serviços ou os mesmos preços… mas nossa equipe é única. De certa forma, nossa gente também é nossa maior energia. São pessoas com vontade de crescer e de ousar, porque, se não pensarmos de forma criativa, colaborativa e diferente, não atingiremos nossos objetivos.

Conheça a Raízen

Para garantir a energia que move o mundo, temos um ecossistema integrado e
único de atuação: desde a produção e venda de energia renovável e açúcar a partir
da cana-de-açúcar, levando também essa energia para diversos cantos no mundo.

Cadastre seu e-mail para ficar por dentro das últimas novidades.

Ao se inscrever você concorda com a política de prívacidade. E-mail cadastrado com sucesso!